top of page

O 32º Festival de Inverno de Garanhuns está lançado oficialmente

Evento será realizado de 11 a 28 de julho, e vai contar com mais de 20 polos de cultura distribuídos pela cidade

O maior festival da América Latina
FIG 2024

A Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Cultura, divulgou nesta segunda-feira (10), detalhes da 32ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG). As informações foram repassadas durante solenidade realizada no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti. O FIG vai ser realizado no período de 11 a 28 de julho e vai contar com mais de 20 polos de cultura, com atrações de todo o país, que passeiam por linguagens como música, teatro, cinema, fotografia, dança, cultura popular, circo, gastronomia, entre outros. O 32º FIG é realizado pela Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Cultura, e conta com o patrocínio do Governo do Estado de Pernambuco, por meio da Empetur, e do Ministério do Turismo.


A divulgação da programação dos demais polos e da formatação do evento acontece com 30 dias de antecedência, algo inédito na história do evento. A programação gratuita vai se dar nas praças, parques, teatros, na catedral, vias públicas e em diversos outros espaços da cidade. Este ano, o evento terá dois pernambucanos como homenageados: o cantor e compositor Reginaldo Rossi; e o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos.


Como novidade, em 2024, a Prefeitura vai promover as ações de literatura no Parque Luiz Carlos de Oliveira, localizado na Boa Vista. O parque inaugurado em dezembro do ano passado receberá o ‘Espaço da Palavra’, anteriormente denominado de ‘Praça da Palavra’, que funcionava na Praça da Fonte Luminosa. Outro polo que funcionará em novo endereço será a Galeria Galpão, que nesta edição recebe exposições de fotografia, artes visuais e ações de gastronomia na Escola Municipal Padre Agobar Valença, situada na avenida Caruaru.


A secretária municipal de Cultura, Sandra Albino, destaca a importância do investimento da Prefeitura de Garanhuns, para manter a tradição do FIG, como evento multicultural que fomenta a cadeia produtiva em Pernambuco. “Garanhuns vai vivenciar 18 dias de uma programação à altura do FIG e da cultura pernambucana. Vamos poder proporcionar o maior, melhor e mais intenso Festival de Inverno, movimentando milhares de artistas, produtores e fazedores de cultura em nosso Estado”, pontuou.


IDENTIDADE VISUAL -  A identidade visual do 32º Festival de Inverno de Garanhuns é assinada pela pintora e ilustradora Bella Galvão. Seu trabalho transita entre o figurativo e abstrato, reunindo elementos de sua formação pessoal, bem como das manifestações culturais nordestinas. Para o FIG, a proposta envolve um contraste de cores que remetem ao frio e à flora, bem como estampas e elementos influenciados pela tropicalidade brega de Rossi.


MÚSICA - Além da Praça Mestre Dominguinhos, outros polos estarão abrigando as apresentação musicais, entre eles o Palco Estação, no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti, que vai contar com apresentações musicais intimistas, bem como o Palco Pop e Palco Forró Zé da Macuca, na rua Maria Ramos (próximo ao Terminal Rodoviário); e Palco Instrumental Paulo Rafael, no Parque Ruber van der Linden.


CULTURA POPULAR - O Palco de Cultura Popular Ariano Suasssuna vai reunir, de 19 a 27 de julho, atrações de diversos municípios pernambucanos, entre elas Patrimônios Vivos de Pernambuco, como o Mestre Galo Preto, Banda de Pífanos Folclore Verde do Castainho, Cavalo Marinho Boi Pintado e Caboclinho Canidé de Goiana.


CASA DOS SABERES - Diversas oficinas serão promovidas na Casa dos Saberes, localizada na Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns (Aesga). O espaço contempla por meio da formação, diversas linguagens artístico-culturais como música, audiovisual, fotografia, gastronomia, entre outros.


VIRTUOSI NA SERRA - Na Catedral de Santo Antônio, a música erudita terá espaço, com o XVII Virtuosi na Serra, que contará com programação no período de 19 a 27 de julho. O polo será retomado na Igreja Matriz, após um ano afastado do FIG e conta com a curadoria de Ana Lúcia Altino.


SESC E SEBRAE - No Centro de Produção Cultural, Tecnologia e Negócios do Sesc-PE será promovida uma série de ações voltada para as linguagens de audiovisual, dança, teatro adulto, alternativo e infantil. Já no Parque Euclides Dourado, a parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) segue mantida para realização de mais um ano do Armazém das Artes e Negócios, com espaço destinado à comercialização de produtos do artesanato pernambucano.


A Programação e muitas outras informações do #FIG2024 você encontra no Aplicativo App Guia do FIG.
Baixe agora clique aqui.

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page